Opinião... David Baldacci * O Alvo

Data Início: 17-02-2015 
Data Fim: 22-02-2015

AutorDavid Baldacci
Título: O Alvo
Editora: Clube do Autor
ISBN: 9789897242007
N. Páginas: 404

Sinopse:
O mundo está sob ameaça de um inimigo poderoso. Existe a possibilidade de o eliminar de uma vez por todas. Mas trata-se de uma missão de alto risco; se for bem-sucedida, o mundo será um lugar melhor. Mas se falhar, estaremos perante um Armagedão.
Um ataque à Coreia do Norte, país que possui armas nucleares, colocaria os Estados Unidos debaixo de fogo e o mundo em risco. A conspiração para eliminar o líder do país está em curso e não há margem para erros. Will Robie e Jessica Reel são os únicos agentes capazes de executar a missão.
Chung-Cha foi criada num campo de trabalhos forçados na Coreia do Norte. Nesse local de terror, não existe honra, sentimentos ou compaixão e a jovem foi treinada desde cedo para matar. É esta assassina fria que é incumbida de aniquilar, a todo o custo, a dupla Robie e Reel.
Numa luta feroz entre o Ocidente e o Oriente, quem é o caçador e quem é a presa quando o verdadeiro alvo é revelado?


Comentário:
A escrita de David Baldacci conquista-me logo às primeiras páginas. Ele escreve thrillers, que sendo muito interessantes não nos matam a cabeça com intrigas recambolescas que acabam por se tornar inverosímeis. Adicionalmente, David tem sempre histórias paralelas, tão ou mais interessantes que a história principal.

"O Alvo" continua a dar vida a Will Robbie e Jessica Reel, que já conhecia de "O Atentado". Sendo os melhores e mais eficientes elementos que o governo americano tem ao seu serviço são também os mais contorversos por nem sempre acatarem as ordens recebidas.
Neste livro, trabalham em equipa e juntos conseguem cumprir a sua nova missão, um ataque à Coreia do Norte.
Pelo caminho conhecemos a verdadeira história de Jessica Reel, e também ela vai trazer muita acção a este livro.
Conhecemos ainda Chung-Cha, uma rapariga da Coreia do Norte que viveu toda a sua vida num campo de concentração porque os seus pais eram contra o regime e que "comprou" a sua liberdade a um preço muito elevado. E também ela terá um papel preponderante neste livro!

É uma história muito boa,  viciante na leitura. Dei por mim a aproveitar todos os bocadinhos para ler "só" mais um capítulo (outra característica da escrita de David que aprecio, capítulos curtos e escrita fluída).
Já tinha gostado muito do "O Atentado", mas ainda gostei mais do "O Alvo". Recomendadíssimo!

Classificação: 9,5/10

2 comentários:

Maria Pereira disse...

E tenho um desafio para ti no meu blog, neste link

http://pereirasbooks.blogspot.pt/2015/02/tag-liebster-award.html

para responderes se te apetecer

Um beijinho

Maria João disse...

Olá Maria,

muito obrigada pelo convite, mas já respondi a esta tag.

Beijinhos