Opinião... Melissa Hill * Por Favor, Perdoa-me

Data Início: 01-08-2015 
Data Fim: 04-08-2015

AutorMelissa Hill
Título: Por Favor, Perdoa-me
Editora: Quinta Essência
ISBN: 9789897413247
N. Páginas: 384

Sinopse:
Será demasiado tarde?
Leonie estava apaixonada e noiva, mas decidiu fugir da sua antiga vida em Dublin para começar de novo - algures onde ninguém a conheça nem ao segredo de que ela foge. Ao instalar-se no seu novo apartamento encontra por acaso um maço de cartas de amor, todas escritas por um homem chamado Nathan e dirigidas a uma mulher desconhecida. Todas as cartas terminam de forma intrigante com as mesmas três palavras: «Por favor, perdoa-me».
Comovida com as palavras sinceras de Nathan, Leonie propõe-se a desvendar o mistério do casal e do que lhes correu mal. Se entregar as cartas à legítima proprietária, poderá o amor da vida de Nathan conseguir perdoar-lhe? E durante o processo talvez Leonie consiga também perdoar ela própria algumas coisas…
Alguma vez sonhou em fugir?
Deixar o passado para trás?
Leonie fez exatamente isso. Mudou-se para outro país e arranjou um novo emprego, um novo lar, uma nova vida...
Mas, quando descobre uma caixa de cartas de amor no fundo do roupeiro que terminam todas com «por favor, perdoa-me», vê-se atraída para o mistério delas.

«É isto que realmente adoro nos livros de Melissa Hill - o mistério da história é contado lentamente ao longo do livro e funde-se com a história principal: raramente isso funciona tão bem como nos livros desta autora, atraindo o leitor para a trama.»
Chloe's Chick Lit Reviews


Comentário:
Aqui está o livro perfeito para esta altura do ano. É um livro ideal para o Verão, leve, fresco e fluído!
Melissa Hill escreveu um bom romance, porque cruza 3 histórias, qualquer delas mais interessante que a outra.
Por um lado, acompanhamos Leonie na sua fuga precipitada para os Estados Unidos. As razões para esta fuga vão-nos sendo reveladas aos poucos através de flashbacks, onde passamos a conhecer Adam, o homem por quem Leonie se apaixonou mas com quem teve uma história sem final feliz...

Já nos EUA, Leonie conhece e trava amizade com Alex, sua vizinha e grande apoio na sua integração na nova cidade. Alex é uma produtora televisiva de sucesso, mas que tem um grande problema pessoal, o seu marido recusa-se a assinar os papéis de divórcio e ela não consegue seguir em frente com a sua vida, com esta "pedra" no sapato...
E finalmente, mas não menos importante, Leonie encontra na casa que alugou uma caixa com cartas por abrir de alguém chamado Nathan para a sua amada Helena. A curiosidade é mais forte e Leonie abre a primeira carta. Depois disso não consegue parar e, talvez como forma de redimir o seu próprio passado, Leonie decide fazer chegar estas cartas à sua destinatária (nunca imaginando no quanto esta tarefa se vai revelar dificil e frustante), pois a mensagem de Nathan é sempre uma "Por favor, Perdoa-me". Leonie acredita que uma grande história de amor ainda em aberto se esconde por detrás das cartas e, com a ajuda de Alex, empreende uma verdadeira investigação para encontrar os dois.

O facto do livro intervalar as três histórias e de nos ir dando pequenas informações para aguçar a curiosidade só o tornam mais empolgante. Dá vontade de o ler sem parar até saber o que aconteceu e o que acontecerá a qualquer das personagens.
A dada altura, achei que tinha descoberto quem era Nathan e que acontecimentos deram origem àquelas cartas por ler, mas não podia estar mais enganada (aliás, como a própria Leonie também estava). Este "brincar" com o leitor é muito interessante e torna a leitura ainda mais viciante.

A escrita é muito fácil, com muitos e bons diálogos o que torna a leitura num agradável momento de lazer e descontração.
Só não dei uma classificação superior porque o motivo que levou Leonie aos EUA não me pareceu muito razoável. Fiquei com a sensação de muito drama por pouco...

Não posso terminar sem falar de um pormenor. É apenas um pormenor bem sei, mas também são eles que fazem a diferença! Todas as páginas do livro têm um envelope (as cartas encontradas por Leonie, presumo) no canto superior externo. Adorável. Gostei muito!

Classificação: 7,5/10

Sem comentários: