Claúdia Pinto * No Intervalo da Vida

Data Início: 16-09-2013
Data Fim: 18-09-2013

AutorCláudia Pinto
Título: No Intervalo da Vida
Editora: Chiado Editora
ISBN: 9789896978556
N. Páginas: 233

Sinopse:
«Qual é afinal a função de um jornalista? Relatar os factos, contar uma história. Mas quando essas narrativas decorrem dentro de um hospital, em ambiente onde a saúde e o espírito estão mais vulneráveis, conseguirá o jornalista manter a isenção, o rigor, a imparcialidade que nos é imposta pela profissão, e não se deixar envolver, comover até, pelas vivências daqueles dias com cheiro a éter e tantas vezes pintados a lágrimas? Cláudia Pinto, a autora deste livro, passou anos pelos corredores dos hospitais: como jornalista; como familiar; como cuidadora; como pessoa que ama. É incrível ler a forma como ela relata estes casos - uns mais próximos, outros tão próximos. Não são meras reportagens: são testemunhos que o vão fazer chorar, rir, mas acima de tudo acreditar.Porque a Cláudia é defensora de que todos estes lutadores (alguns com apenas dias de vida) são heróis; porque todos eles, de uma forma ou outra, mostram-nos, ao longo destas páginas, que vale a pena lutar para ser feliz mesmo perante o cenário mais cinzento. Os doentes, os familiares e os amigos, relatam aqui os dias passados sem grandes planos acreditando que a própria vida já tem planos traçados e que acima de tudo vale a pena acreditar. Eu sou das que acreditam; acredito no sentido de missão do jornalismo. Que todos nós podemos fazer a diferença na vida de alguém, na nossa própria vida, ao partilhar estes exemplos inspiradores. Acredito que a Cláudia sentiu esta necessidade de olhar para lá da doença e trazer para livro, retratos que vão além do diagnóstico médico. As vinte histórias que vai ler passam-se no “intervalo da vida”. E prolongam-se para uma segunda parte, rumo à vitória. A vitória dos que amam.»
Fernanda Freitas, Jornalista

Comentário:
Este é um livro diferente, que não procura entreter, mas sim passar uma mensagem muito importante. Existem situações dramáticas vividas por pessoas anónimas a que Cláudia Pinto dá voz nestas páginas e que são lições de vida. 
Tocam-me especialmente os testemunhos relacionados com crianças, que desde pequeninas demonstram uma força e uma vontade de viver que me deixa sem palavras.

São 20 histórias diferentes com um denominador comum: todas estas pessoas tiveram um intervalo na vida que as obrigou a parar e a lutar. Cancro, doenças raras, infertilidade, depressões, anoréxia. Todas elas fora do controlo humano.

É um livro bom, no entanto, na minha opinião peca um pouco pela forma como está escrito, pois senti um certo distanciamento ao lê-lo. Pela forma como está estruturado, não consegui "sentir" as vivências. Ainda assim, foi para mim muito importante a sua leitura, até porque livros deste tipo colocam-nos os pés na terra e fazem-nos agradecer o bom que a vida nos dá!

Classificação: 7,5/10

Sem comentários: