Isabel Allende * A Casa dos Espíritos

Data Início: 09-05-2013
Data Fim: 30-05-2013

AutorIsabel Allende
Título: A Casa dos Espíritos
Editora: Difel
ISBN: 9789722900706
N. Páginas: 357

Sinopse:
Nesta sua surpreendente obra de estreia, Isabel Allende constrói um universo repleto de espíritos, de personagens multifacetadas e humanas, entre elas Esteban Trueba, o patriarca, que vive obcecado pela terra e pela paixão absoluta pela esposa, que ele sente sempre para lá do seu alcance.
Clara é a matriarca esquiva e misteriosa, dotada de poderes sobrenaturais, que prediz as tragédias da família e estabelece o destino da casa e dos Trueba. Blanca, a sua filha suave e rebelde, nutre um amor pelo filho do capataz do seu pai, o que provoca o desprezo de Esteban, mesmo quando deste amor nasce a neta que ele adora: Alba, uma beleza luminosa e uma mulher ardente e voluntariosa. As paixões da familia Trueba, as suas lutas e segredos desenvolvem-se ao longo de três gerações e de um século de violentas mudanças. Num contexto de revolução e contrarrevolução, a autora dá vida a uma família unida por laços de amor e ódio mais complexos e duradouros que as lealdades políticas que a poderiam separar.


Comentário:
Este é um daqueles livros para o qual as palavras são poucas para o comentar. Isabel Allende tem uma escrita irrepreensível, e consegue colocar a vida de gerações e a história política de um país (o Chile) em pouco mais de 350 páginas.
É um livro denso, com uma narrativa intensa que nos deixa conhecer um pouco mais a história do país que viveu um golpe de estado e uma ditadura por 17 anos. A descrição desta fase é tão brilhante como chocante.
Em "A Casa dos Espíritos" assistimos ao desenrolar da vida da familia de Esteban Trueba, os seus amores e desamores, as suas mulheres, os seus filhos e a sua neta. A história é-nos contada parcialmente pela sua voz e pela voz da sua neta, que decide escrever as memórias de uma familia rica em acontecimentos e sofrimentos e também para exorcizar os seus próprios medos e pesadelos.
Clara é a filha esotérica que vive no seu mundo. A sua irmã Rosa, é bela e tem como apaixonado, Esteban. Mas quis o destino que Rosa morresse jovem e que Esteban viesse a casar com Clara. Apesar de amar Clara, Esteban não consegue esconder a sua natureza rude e agressiva e, após terem em comum 3 filhos, Blanca e os gémeos Nicolau e Jaime, Clara decide abandonar Les Tres Marias (a propriedade rural da familia) e viver na casa da esquina na cidade. Esteban dedica-se então à política e chega a senador, mas o golpe de estado derruba-o e perde a propriedade na reforma agrária. 
Blanca apaixona-se e engravida de Pedro Tercero, o homem que Esteban expulsou de Les Tres Marias por ter uma ideologia comunista. Desta gravidez nasce Alba, a menina que viria a ser a companhia final de Esteban.
E muitas mais histórias se cruzam nestas páginas. 
É um livro repleto de história, de magia, de espíritos, de tristezas e alegrias, de amarguras e ódio, de ideais e amores.
É um livro que eu li há muitos anos atrás e que adorei reler. E que tenho a certeza irei ler novamente no futuro. Uma história imortal. 

Classificação: 9/10

Sem comentários: