Ana Casaca * Viagem ao Fim do Coração

Data Início: 04-09-2014 
Data Fim: 07-09-2014

AutorAna Casaca
Título: Viagem ao Fim do Coração
Editora: Guerra & Paz
ISBN: 9789897021152
N. Páginas: 328

Sinopse:
Num romance toda a nossa vida: como a queremos, como às vezes não a queremos.
Luísa ainda era uma adolescente. Tiago já era um jovem adulto. Conheceram-se na solidão de uma pequena praia, na margem de um rio. Tinham em comum uma relação familiar traumática. Num caso, o trauma do amor dos pais. No outro, o trauma do ódio dos pais. Conheceram-se num dia que pareceu conter uma vida inteira. Mas teriam ficado separados para sempre, se a invisível linha de uma doença que rói o corpo e anuncia a morte não os tivesse voltado a ligar, dezasseis anos depois. Luísa e Tiago podem até redescobrir o amor, mas apenas se a silenciosa presença das metástases não se alastrar aos seus corações. 
"Viagem ao Fim do Coração" é mais do que uma comovente história de amor. É a recriação de um admirável mundo de pais e mães, filhos e irmãos, ódios e amores. Revela os pesadelos de um cancro injusto, mas não abdica do que é humano e essencial, o sonho.

Comentário:
O tema central deste livro, o cancro, assola de forma avassaladora os nossos dias. Infelizmente, é um assunto recorrente quer na ficção quer na vida real, precisamente porque é tão recorrente e nos sentimos tão impotentes contra este inimigo.
Posto isto, qualquer livro cujo assunto é o cancro é um livro que incomoda e perturba e "Viagem ao Fim do Coração" não é excepção. Principalmente quando sabemos à partida que se trata de uma obra integralmente de ficção, mas inspirada na vida real.

Luísa e Pedro são dois irmãos que tiveram a pouca sorte de nascer na família errada, com um pai agressivo e uma mãe sem personalidade incapaz de os defender e de lhes dar amor, ao ponto de os abandonar, passando Luísa, a irmã mais velha, a representar o papel de mãe para o seu irmão. 
Tiago é um jovem que vê o seu pai falecer de cancro e se sente na obrigação moral de continuar o negócio da família, ainda que essa não seja a sua aspiração. Sente-se também muito pressionado pela mãe, que de tanto o amar, acaba por se tornar um fardo para ele.
Luísa e Tiago encontram-se, num dia muito difícil para Tiago, o dia a seguir à morte do seu pai e, mesmo que inconscientemente, Luisa acaba por ser um grande aparo para ele. 
Depois desse dia nunca mais se viram, mas 16 anos depois, numa manifestação contra a crise que assola o país, quis o acaso que se encontrassem de novo e, nessa altura, não têm dúvida do forte sentimento que os une. E desta vez é Tiago que apoia Luísa, porque uma vez mais a vida é madrasta para ambos e Luísa descobre que tem cancro. 
Tiago tem medo de perder de novo alguém que ama para esta doença, Luísa luta com todas as suas forças para a vencer.

Com este novo livro, Ana Casaca voltou a provar a sua mestria a escrever. O livro tem mensagens lindas, conta-nos momentos tristes sem entrar em dramatismos, apresenta-nos Luísa sem constrangimentos nem inibições.
O livro lê-se num ápice porque a história está muito bem construída e, apesar de sabermos que nos estamos a dirigir por um caminho cada vez mais cinzento, não temos vontade de parar... Gostei muito e recomendo!

Classificação: 9/10

Sem comentários: